Acessibilidade aos Cuidados de Saúde Primários no ACeS Entre Douro e Vouga II - Aveiro Norte

É uma prioridade assumida pelo Ministério da Saúde e pela Administração Regional de Saúde do Norte (ARS Norte) a atribuição de um médico de família a cada utente do Sistema Nacional de Saúde. Alinhado com essa prioridade, o Agrupamento de Centros Saúde Entre Douro e Vouga II - Aveiro Norte (ACES Aveiro Norte) tem tido a preocupação de aumentar a acessibilidade aos utentes sob seu cuidado e garantir que cada um deles tenha o seu médico de família.

 

 Se, num passado recente, encontrávamos na totalidade da população servida pelo nosso ACES números preocupantes neste âmbito, atualmente esta realidade encontra-se invertida e estando no momento com pouco mais de 1400 utentes sem médico de família (ver o quadro). 

 

 

Simultaneamente, o Ministério da Saúde está agora a levar a efeito uma atualização das listas de utentes, por forma a perceber se os não frequentadores dos cuidados de saúde primários mantêm o interesse em estar ligados às suas unidades de saúde. Neste sentido, é enviada uma carta a quem estiver sem contacto com a sua unidade de saúde há mais de três anos. Se o utente que receber esta carta quiser manter a sua inscrição ativa, deve contactar a sua unidade de saúde e manifestar a sua intenção. Por outro lado se o utente não demonstrar este interesse no prazo de 90 dias, será classificado como “utente inscrito no ACES sem contacto nos últimos 3 anos”, mantendo contudo o acesso às prestações de saúde asseguradas pelo respetivo ACES. Adicionalmente, mesmo que esta intenção não seja manifestada e o utente seja removido da lista de utentes da unidade onde se encontrava, o seu reingresso à listagem é muito simples e basta que, para tal, se dirija ao balcão da unidade e solicite a atribuição de médico de família.

O ACES Aveiro Norte dispõe, ainda, de soluções para quem não veja inconveniente em deslocar-se para a unidade de saúde do Pinheiro da Bemposta: que de momento, tem 700 vagas por preencher podendo assim ser-lhe atribuído um médico de família.

Esta realidade, além de animadora, é um estímulo diário para os profissionais que respondem às necessidades de saúde da população inscrita no ACES Aveiro Norte, que desta forma, vai capacitando as suas unidades de saúde de forma a dar uma resposta eficaz às necessidades de saúde dos concelhos de Oliveira de Azeméis, S. João da Madeira e Vale de Cambra. Melhorar continuamente a acessibilidade, a equidade e a qualidade dos cuidados prestados é o nosso objetivo.

Please reload

Artigos Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Pesquisar por Tema