Reflexões sobre cuidados em saúde | O exercício físico

A atividade física e os desportos saudáveis são essenciais para a nossa saúde e bem-estar. A atividade física adequada e desporto para todos constituem um dos pilares para um estilo de vida saudável, a par de alimentação saudável, vida sem tabaco e o evitar de outras substâncias prejudiciais para a saúde.

 

O mundo tem assistido a um aumento significativo das doenças cardiovasculares, cancro, diabetes e doenças respiratórias crónicas. O aumento global, epidémico, destas doenças está relacionado com alterações dos estilos de vida, nomeadamente, o tabagismo, inatividade física e uma alimentação pouco saudável. Estima-se que o sedentarismo seja causador de 1 milhão e 900 mil mortes a nível mundial. É também causa de 10-16% do cancro da mama, cólon e reto, bem como, diabetes mellitus, e de cerca de 22% de doença cardíaca isquémica.

 

O risco de se ter uma doença cardiovascular aumenta 1,5 vezes nos indivíduos que não seguem as recomendações mínimas para a atividade física.

 

Está cientificamente provado que a atividade física, regular e controlada, tem efeitos benéficos na saúde geral, reduzindo o risco de morte prematura,  a probabilidade de contrair doenças crónicas como a obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares, diminui a pressão arterial e o colesterol elevado e reduz os casos de cancro do cólon. Melhora também o desenvolvimento e preservação da capacidade funcional dos nossos ossos, músculos e articulações, a qualidade do sono e favorece a prevenção da osteoporose. A nível psicológico, diminui os estados de depressão e ansiedade, promovendo a sensação de bem-estar.

 

Nunca é tarde para iniciar uma vida ativa. Independentemente da idade, do baixo nível de aptidão física, ou mesmo de quanto tempo se esteve inativo, várias pesquisas têm mostrado que iniciar uma atividade física, de forma regular e moderada, traz sempre benefícios para a saúde.

 

Os benefícios para a saúde geralmente são obtidos através de pelo menos 30 minutos de atividade física cumulativa moderada, todos os dias. Caso seja complicado dispor desses 30 minutos diários poder-se-á reparti-los em períodos de 10  minutos e que no final totalizem os 30 minutos recomendados.  Este nível de atividade pode ser atingido através de atividades como caminhadas, subir escadas, jardinagem, dançar ou natação.

 

O exercício deve ser visto como parte integrante do nosso dia a dia e ajustar-se às características e limitações de cada um. Acima de tudo, deverá ser uma atividade que nos dê prazer pois, se for vista apenas  como uma obrigação, está condenada ao fracasso.

 

Júlio Santos (Médico Interno de Medicina Geral e Familiar)

Helena Santos (Médica Especialista de Medicina Geral e Familiar)

Please reload

Artigos Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Pesquisar por Tema